Home Fale conosco
    Fale conosco
abr
20
2014
HOME / DESTAQUES


PREVISÃO DO TEMPO

Brasil – Um celeiro em geração, transmissão e distribuição de energia


  • Segundo o dicionário, Energia é a capacidade que os corpos têm de desenvolver uma força, a capacidade de produzir trabalho. Dessa maneira, a forma mais primitiva de energia é a energia humana, produzida pelos músculos humanos.
  • O homem já utilizou a energia de diversas maneiras: energia térmica através do fogo; energia humana durante a escravatura; mais tarde a energia dos animais (bois, vacas, cavalos); energia dos ventos com os moinhos; Watsom cria máquina a vapor e começa a Era Industrial, com o surgimento do automóvel e da máquina a vapor; e por último surge a era industrial que trouxe desenvolvimento e conforto.
  • Os primeiros empreendimentos no campo da energia elétrica no Brasil remontam ao fim do século passado e, mais precisamente, depois da implantação do regime republicano. Com a Constituição de 1891, surgiram os primeiros ordenamentos jurídicos/legais que passaram a reger o Setor Elétrico Brasileiro. Ao Império Brasileiro, bastante centralizador, sucedeu uma República descentralizada possibilitando a outorga de poderes quase ilimitados aos estados e municípios.
  • O cenário nacional passou por mudanças constantes e significativas. No início pequenas usinas foram instaladas para suprir a necessidade de energia em propriedades isoladas. Algumas se expandiram, atendendo também os serviços públicos.
  • Surgiram grandes investidores estrangeiros que instalaram aqui empreendimentos notáveis. Os brasileiros também criaram empreendimentos, que mais tarde originaram importantes fusões. O Brasil se tornou um grande celeiro em geração, transmissão e distribuição de energia.
  • Hoje o país possui um Sistema Interligado Nacional, o SIN.
    Com tamanho e características que permitem considerá-lo único em âmbito mundial, o sistema de produção e transmissão de energia elétrica do Brasil é um sistema hidrotérmico de grande porte, com forte predominância de usinas hidrelétricas e com múltiplos proprietários.
  • O Sistema Interligado Nacional é formado pelas empresas das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste, Nordeste e parte da região Norte. Apenas 3,4% da capacidade de produção de eletricidade do país encontra-se fora do SIN, em pequenos sistemas isolados localizados principalmente na região amazônica.


Sistema interligado permite o aproveitamento da energia gerada em qualquer ponto para todo o país